quarta-feira, 1 de julho de 2015

{Fanfic} Delírios - Capitulo 1

Delírios


Categorias: Alice no País das Maravilhas
Gêneros: Aventura, Fantasia, Romance, Amizade
Notas: Os personagens não me pertencem, porém o enredo é meu.
Esta história já foi postada no Nyah
Autora: Maria Clara Neves
Descrição: Já havia cinco anos desde que Alice tinha sido internada no sanatório, depois de quase matar a prima a empurrando de uma janela, só porque a menina tinha zombado por Alice acreditar que o país das maravilhas era mesmo real. Agora nem mesmo Alice acreditava que havia mesmo um mundo desconhecido por muitos onde habitavam seres extremamente interessantes e maravilhosos, ela sequer se lembrava de ter isso lá um dia.


Capítulo 1 


Parecia que os ponteiros do relógio queriam castigá-lo, o tempo parecia se arrastar cadê vez mais, minutos pareciam horas, horas pareciam dias, dias pareciam semanas e semanas pareciam séculos.

Alice havia prometido que iria voltar, ela prometera para ele. Ela tinha que voltar.

Os ponteiros do relógio passavam lentamente diante seus olhos, o torturando. Ele sentia que ser atingido por mil facas doeria menos que essa longa e demorada espera. 

O Chapeleiro já não era mais Maluco, não existia aquele toque de loucura em seu olhar. O seu tão precioso chá das cinco já não tinha mais importância. Os seus trocadilhos perderam a rima. Nem mesmo a Lebre conseguia alegrá-lo. A menina de cabelos dourados tinha ido embora, e consigo levado a maluquice do Chapeleiro.

A única coisa que ele fazia era pensar na menina. “Eu volto, prometo” disse Alice antes de partir.

tic tac, tic tac, tic tac

Era só isso que o relógio sabia fazer.

- Tic Tac, Tic Tac.. malditos relógios – e atirou mais um de seus mil relógios longe. 

O Chapeleiro não tina a mínima ideia de quanto tempo havia se passado desde que ela foi embora, poderia ter se passado séculos, anos, meses, semanas, dias, horas... 

Nada mais o alegrava, nem o chá, nem a lebre e nem o gato.

Por que será que ele não conseguia parar de pensar nela, parar de pensar naquela menina de pele branca e cabelos dourados? A resposta era simples e complicada, simples, pois ele sabia a respostas: ele a amava, e complicada, pois ela não estava ali, complicada, pois ele queria que ela estivesse ao seu lado.

O tempo passava e nada de Alice voltar.

Ela tinha prometido que voltaria em breve, mais esse “breve” estava demorando muito, estava demorando, e está demora corroía o Chapeleiro por dentro, dilacerava o coração dele, o tempo o torturava da pior forma possível.

O tempo havia se tornado o seu pior inimigo.



Semana que vem, postaremos o segundo capitulo dessa incrível fanfic

Um grande beijo,
Clara e Ketilin
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário